Piadas, Pensamentos, Filmes, etc .

Blog do Ezequias

Archive for the ‘Computadores e a Internet’ Category

Chrome, o navegar mais rápido (hoje 12/06/2010)

leave a comment »

Anúncios

Written by ezequiasti

12/07/2010 at 4:13

Falando sobre Olhar Digital – Atualizações do Windows: veja por que elas são importantes

leave a comment »

 

Citação

Olhar Digital – Atualizações do Windows: veja por que elas são importantes

Video interessante a respeito das Atualizações do Windows.
 
Parace incrível mas ainda encontro vários clientes sem qualquer rotina de atualização ou gerenciamento de Patches, sendo que desde 2003 a Microsoft disponibiliza gratuitamente ferramentas para esta tarefa.
 
Abraços e bom vídeo.
 
 
 
 
Paulo Sant’anna
MVP Windows Server – Management Infrastructure
Consultoria:
http://www.inventit.com.br
Blog: http://paulosantanna.spaces.live.com
Twitter: http://twitter.com/paulo_santanna
 

Written by ezequiasti

07/06/2010 at 9:42

Vírus “retrô” destrói arquivos do computador

leave a comment »

Vírus “retrô” destrói arquivos do computador

Daniel dos Santos, Macworld Brasil
07-05-2010

Nova praga virtual age como as ameaças da década de 1990, que apagavam dados vitais do PC.

Os mais novos não devem se lembrar, mas há cerca de 20 anos, os vírus de computador tinham como objetivo atormentar os usuários de PCs (não roubar dados, como faz hoje a maioria das pragas virtuais), destruindo dados. Pois a empresa de segurança Sophos identificou uma nova ameaça que segue essa estratégia “retrô”.

Trata-se do W32/Scar-H. Esse programa nocivo tem como objetivo simplesmente apagar todos os arquivos executáveis do computador, gravando seu código sobre eles. Segundo a Sophos, ele é como uma bomba virtual, pois detona os arquivos do computador.

A ameaça costuma se disseminar por drives compartilhados (que são muito comuns em redes de computadores) e por dispositivos de armazenamento portáteis, como discos rígidos externos.

Ao ser executado pela primeira vez ele cria os arquivos (cópias suas) <System>ntldr.exe e <Root>WinNT.exe, além de <Root>AutoRun.inf. Feito isso, passa a se disseminar com o uso de drives mapeados. Depois, passa a substituir todos os arquivos do drive C: com extensão .exe por uma cópia sua. Com tudo isso, o computador passa a não funcionar mais.

Ao religar a máquina, o usuário recebe a mensagem “Windows could not start because the following file is missing or corrupt: <Windows root>system32ntoskrnl.exe. Please re-install a copy of the above file”. Resumindo: o Windows não conseguiu carregar porque um arquivo não está acessível ou foi corrompido. Por favor, reinstale o arquivo”.

Written by ezequiasti

08/05/2010 at 14:52

Qual o melhor anti-viírus gratuito ?

leave a comment »

Written by ezequiasti

17/10/2009 at 15:23

Google anuncia sistema operacional Chrome OS

leave a comment »

Google anuncia sistema operacional Chrome OS

08/07/2009 09:43

O Google anunciou o
lançamento de um novo sistema operacional, o Google Chrome OS. De
acordo com a empresa, o novo sistema operacional deverá concorrer com o
Windows e o Linux nos PCs, será lançado em 2010 e se focará em três
itens: velocidade, simplicidade e segurança.

"Nós
estamos desenvolvendo o sistema operacional para ser rápido e leve,
para que você possa iniciá-lo e entrar na web em poucos segundos"
, disseram Sundar Pichai e Linus Upson, do Google.

Eles completaram dizendo que "os sistemas operacionais foram criados em uma época onde a web não existia e que esta é a forma da empresa de repensar como os sistemas operacionais devem ser". "Nós redesenhamos completamente a arquitetura da segurança do sistema operacional para que os usuários não precisem lidar com vírus, malwares e atualizações de segurança".

O
Google vem chamando a atenção no mercado de telefones celulares nos
últimos meses com o sistema operacional Android, que provou ser um bom
concorrente ao iPhone OS.

Não chega a ser uma surpresa saber que
o Chrome OS poderá ser executado facilmente em netbooks, laptops e PCs,
mas a empresa informou que o foco inicial será o mercado de netbooks.
Ele será voltado principalmente para pessoas que navegam muito na web.

Este
anúncio era esperado desde que os primeiros rumores sobre o Android e o
Google Chrome apareceram na web. Com o nome da empresa por trás dele e
com o Android se saindo bem no mercado, isto pode ajudar a empresa a
conseguir que o Chrome OS seja vendido pré-instalado em computadores de
algumas grandes fabricantes.

Written by ezequiasti

08/07/2009 at 16:50

11 motivos para migrar para o Windows Server 2008

leave a comment »

*

t

Microsoft

 

O
Microsoft Windows Server 2008, com tecnologias embutidas de Web e
virtualização, permite às empresas aumentar a confiabilidade e a
flexibilidade de sua infra-estrutura de servidores. Novas ferramentas
de virtualização, recursos de Web e melhorias na segurança ajudam a
poupar tempo, reduzir custos e fornecer uma plataforma para um
datacenter dinâmico e otimizado. Novas e excelentes ferramentas, como
os Serviços de Informações da Internet (IIS) 7.0 e o Server Manager,
proporcionam um controle maior sobre os servidores e dinamizam as
tarefas de Web, configuração e gerenciamento. Melhorias avançadas na
segurança e na confiabilidade, tais como a Proteção de Acesso à Rede e
o Controlador de Domínio Somente Leitura, fortalecem o sistema
operacional e ajudam a proteger o ambiente de servidores para garantir
uma base sólida para a construção dos negócios.

Veja também:

Atualizando a partir do Windows 2000 Server

Atualizando a partir do Windows Server 2003

1.

Consolidação de Servidores e Otimização de Recursos – Hyper-V

A
maioria dos servidores opera muito abaixo de sua capacidade, com 80 a
90 por cento de sua potência de processamento não utilizados, em média.
Com o Hyper-V, a solução de virtualização do Windows Server 2008, um
único servidor físico pode hospedar as cargas de trabalho de múltiplos
servidores empresariais. O Hyper-V ajuda as organizações a alcançar o
uso mais adequado de seus recursos de hardware e fornece a agilidade
necessária para se adaptar às necessidades de TI em constante
alteração. Novas ferramentas de gerenciamento simplificam o processo de
implantação e permitem aos departamentos de TI gerenciar servidores
virtuais com as mesmas ferramentas familiares que usam para gerenciar
os servidores físicos da rede.

2.

Acesso Flexível a Aplicações para Usuários Remotos – TS RemoteApp

O
Windows Server 2008 oferece melhorias e inovações para os Serviços de
Terminal com soluções, como o RemoteApp para Serviços de Terminal (TS
RemoteApp), que permite ao usuário acessar aplicações individuais, em
vez de uma estação de trabalho de computador em uma sessão do Terminal
Server. Essas aplicações são executadas no computador host e enviam
apenas as janelas da aplicação ao usuário, exigindo menos recursos do
cliente e reduzindo os custos com administração e implantação.

3.

Instalação Modular e Mínima – Server Core

Muitos
servidores realizam funções dedicadas e de missão crítica específicas
dentro da rede. A nova opção de instalação Server Core oferece um
ambiente mínimo para executar funções de servidor específicas. Isso
ajuda a melhorar a confiabilidade e a eficiência, dando ao departamento
de TI a habilidade de utilizar melhor o hardware existente. Também
simplifica os requisitos de administração contínua e gerenciamento de
atualizações reduzindo a necessidade de atualizar funcionalidades e
arquivos desnecessários.

Para os servidores que realizam
funções específicas de infra-estrutura de rede, a nova opção de
instalação Server Core oferece uma plataforma altamente confiável e
eficiente. Como o Server Core carrega o mínimo possível de componentes
de sistema operacional para executar funções básicas de
infra-estrutura, os requisitos de atualização são reduzidos. Isso
proporciona mais confiabilidade e segurança para as funções básicas de
infra-estrutura de rede.

4.

Fornecendo Aplicações e Conteúdo da Web com Qualidade – IIS 7.0

Conforme
aumenta a qualidade do conteúdo da Web e esta se torna uma plataforma
viável para o fornecimento de aplicações de negócios, o servidor Web
está mudando para o centro de muitas redes. O IIS 7.0 oferece soluções
para o conteúdo exigente de hoje, incluindo mídia de fluxo contínuo e
aplicações Web em ASP (Active Server Pages) e PHP. Com uma interface
atualizada que facilita a administração, o novo design modular do IIS
7.0 permite ao administrador minimizar a superfície de ataque do
servidor Web instalando apenas os componentes necessários.

5.

Melhor Desempenho e Controle da Rede – Nova Pilha de TCP/IP

O
uso eficiente da largura de banda tem um impacto direto na
produtividade dos usuários que trabalham em locais remotos e dependem
de conexões WAN aos servidores centrais da organização. O TCP/IP
reprojetado “de última geração” que está incluído no Windows Server
2008 fornece um desempenho amplamente aprimorado para cenários de
locais remotos, oferecendo uma taxa de transferência mais rápida e um
roteamento mais eficiente do tráfego de rede. A combinação do Windows
Server 2008 e do Windows Vista em um cenário de escritório remoto pode
proporcionar uma melhoria triplicada na taxa de transferência pela
conexão WAN.

6.

Impedindo que Dispositivos Não Íntegros se Conectem à Rede – NAP

Com
o número crescente de usuários móveis e parceiros corporativos que
precisam se conectar à rede de uma organização, proteger a segurança
dessa rede contra ameaças externas é um desafio permanente. A NAP
(Network Access Protection – Proteção de Acesso à Rede) do Windows
Server 2008 ajuda a impedir que computadores não compatíveis acessem a
rede da organização. A NAP pode verificar a integridade dos
computadores que estão se conectando e impor a compatibilidade com os
padrões de segurança da organização.

7.

Dando Suporte à Continuidade de Negócios para Cargas de Trabalho Exigentes – Recursos de Alta Disponibilidade

O
Windows Server 2008 fornece uma maior escalabilidade para as soluções
de negócios mais exigentes e mantém as empresas operando durante o
tempo de indisponibilidade não planejado por meio de recursos de alta
disponibilidade. Com o suporte para clusters de failover, o
Balanceamento de Carga em Rede, o particionamento de hardware dinâmico,
opções de armazenamento robusto e a arquitetura avançada de verificação
de computador, o Windows Server 2008 contribui para a proteção contra
problemas de ponto de falha único. A implantação e o gerenciamento
simples ajudam organizações de todos os tamanhos a usufruir desses
recursos para melhorar a disponibilidade e a confiabilidade.

8.

Habilitando uma Colaboração Segura – Gerenciamento de Direitos Federados do Active Directory

As
empresas precisam compartilhar informações com parceiros e clientes sem
perder o controle sobre elas. O Rights Management Services permite que
as organizações controlem o modo como os documentos são usados –
incluindo quem pode visualizá-los, se eles podem ser impressos ou não,
e até mesmo se podem ser encaminhados ou excluídos – tanto interna
quanto externamente.

9.

Conectando Ambientes Heterogêneos

O
Windows Server 2008 inclui o SUA (Subsystem for UNIX-based Applications
– Subsistema para Aplicações Baseadas no UNIX), um ambiente UNIX para
múltiplos usuários que tem suporte para mais de 300 comandos,
utilitários e scripts do shell do UNIX. Os usuários podem manter um
nome e uma senha de usuário para domínios do Windows e sistemas do
UNIX, sincronizando as credenciais automaticamente quando uma for
alterada. O SUA funciona em servidores baseados no Windows sem nenhuma
emulação, proporcionando um desempenho do UNIX nativo e permitindo que
as aplicações UNIX potencializem os APIs e componentes do Windows.

10.

Habilitando o Melhor Serviço e Suporte a Sites Remotos

Sites
remotos, tais como escritórios remotos, podem ser um desafio para o TI.
Geralmente, não há funcionários de TI locais, o que torna a implantação
dos softwares e das atualizações de segurança cara e demorada. Pode ser
difícil respeitar padrões de segurança e IP em um site remoto. O
Windows Server 2008 habilita um gerenciamento remoto que é quase tão
bom quanto estar fisicamente no local, permitindo que os
administradores corrijam vários problemas através dele. O novo
Controlador de Domínio Somente Leitura oferece um modo mais seguro de
realizar a administração do Domínio Ativo na infra-estrutura remota.

11.

Facilitando a Administração, o Gerenciamento e a Automação – Server Manager e PowerShell

O
Console do Server Manager é um console unificado para gerenciar a
configuração e as informações do sistema de um servidor, exibindo o seu
status, identificando problemas na configuração das funções de servidor
e gerenciando todas as funções instaladas nele. Construído sobre a
plataforma SML (Service Modeling Language – Linguagem de Modelagem de
Serviços), o Server Manager permite ao administrador realizar tarefas
com menos cliques, sem ter que navegar entre múltiplas ferramentas e
interfaces. O Server Manager também interage diretamente com o
PowerShell, o shell de linha de comando e linguagem de script para
automação. Todas as funções do Server Manager que podem ser usadas na
interface estão disponíveis para scripts do PowerShell. A interface
ajuda até mesmo a escrever esses scripts, mostrando ao administrador
exatamente quais comandos estão por trás de cada botão e controle, e
permitindo que ele registre ações na interface gráfica e salve um
script baseado nessas ações.




Written by ezequiasti

25/03/2009 at 22:57

Quem é + rápido o XP ou o Vista

leave a comment »

XP SP3 vs Vista SP1

Written by ezequiasti

03/05/2008 at 16:24